quarta-feira, 5 de fevereiro de 2014

Mirada

Foto: Cris de Souza
(a minha filha Manuela)

Entre
O mar terno
E o eterno amar:
Materno

(Cris de Souza)

5 comentários:

  1. O mar, a mãe, eternamente...Manuela! Lindo, Cris!
    Beijos,

    ResponderExcluir
  2. Mira o mar nada turva o terno olhar mais eterno que o mar.
    beijo, caríssima!

    ResponderExcluir
  3. o mirante mira a amada!

    beijos, mamãe Cristalina!!

    ResponderExcluir
  4. porque há tanto que se diz e, por mais palavras elas sejam, jamais se explica...

    ResponderExcluir

Viajai-vos!