domingo, 3 de novembro de 2013

Tambores

Só recito
Em teus ouvidos
Se te sentir
Em meus tímpanos

(Cris de Souza)

4 comentários:

  1. Este sentir que move o sujeito também move o poema no voo para o outro.
    beijo, caríssima!

    ResponderExcluir
  2. teus sons percorrem de cor meus labirintos,Cristalina!!

    beijos, poeta dos grandes arranjos!

    ResponderExcluir
  3. Poema com força de texto, Cris!

    Beijo

    ResponderExcluir

Viajai-vos!