terça-feira, 28 de agosto de 2012

Mar à benção



* Vídeo em que recito meu primeiro soneto

13 comentários:

  1. Cris, há tempos não vinha aqui, mas poesia fabulosa, sua voz forte, dá corpo ao poema feita as ondas do Mar.
    Faça mais vezes posts com voz. Esplêndido.
    Um beioj

    ResponderExcluir
  2. Realmente o som das ondas batendo dão um charme todo especial à declamação.

    Minha mãe é declamadora. Aprendi a gostar de poesia por conta disso. Acho a atitude de ler/recitar sempre muito corajosa e sei que dá muito trabalho.

    Parabéns, Cris!
    Beijo grande.

    Tania Anjos

    ResponderExcluir
  3. e agora,sonetista ainda por cima... ninguém segura a poeta do Espírito Santo... que beleza!

    beijo, bonitona de voz de dominatrix!

    :p

    ResponderExcluir
  4. uau, a voz vem em ondas como o mar num soneto infinito, nada do que foi será como antes: diante da voz


    beijo

    ResponderExcluir
  5. Adorei.
    Um mistério a menos conhecer tua voz...

    Sua benção, minha linda!
    bjs

    Rossana

    ResponderExcluir
  6. Maravilhoso, Cris!!!!!! Você é mesmo uma artista, tenho orgulho de ser tua amiga. Beijussssssss.

    ResponderExcluir
  7. Pelo barulho das ondas acho que você cantou em Coqueiral, ou seria em Itapoã? Fala aí, sereia!!!!!!

    ResponderExcluir
  8. Belíssimo, minha cara poetisa!

    Que venham outros mais!

    ResponderExcluir
  9. Ficou belíssimo! A imagem,o som ao fundo, a voz, o tom da recitação com acentos musicais e, claro, o ótimo poema. Resultado estético de extremo bom gosto!

    Beijo.

    ResponderExcluir
  10. que tri te ouvir :)
    e que lindo!

    beijoss

    ResponderExcluir
  11. Arrasou, Cris!!!!
    Quebrou tudo!!!!!

    Parabéns!!!!

    beijos, moça tão talentosa

    ResponderExcluir

Viajai-vos!